8 min read 

Alguns dizem que a próxima crise financeira está chegando. O que isso significa para você como trader? Que muitas empresas, que podem ser encontradas na plataforma IQ Option, perderão no que diz respeito ao preço. Saber negociar uma ação desvalorizada é uma habilidade que vale a pena aprender. Mesmo sem uma crise financeira que assola o mercado, há sempre boas empresas que se encontram em condições de mercado menos favoráveis e começam a perder em termos de preço.

A maioria dos traders sabe que você não deve “pegar uma faca que está caindo”, por exemplo, comprar uma ação desvalorizada. Eles têm um motivo para dizer “não vá contra a tendência”. Quando você compra uma ação em queda, você não sabe quando a reversão realmente acontecerá. As chances são grandes de você perder mais durante a queda inicial do que ganhar mais tarde, quando a ação estiver de volta aos trilhos.

Jeff Clark é um trader profissional, ex-gerente financeiro do Vale do Silício, e o homem que sabe especular sobre os movimentos negativos do mercado. Ele é conhecido por suas negociações na iminência da Black Friday e da explosão da bolha das pontocom. Em suma, ele é o homem que sabe como transformar uma crise em uma oportunidade de negociação e já fez isso inúmeras vezes. No artigo de hoje, forneceremos duas dicas valiosas de Jeff sobre a negociação de ações em processo de desvalorização.

De acordo com Jack, é fácil ficar completamente sem dinheiro com a compra de uma ação que ainda está se desvalorizando. Em vez disso, você deveria comprar uma ação em queda quando seu preço estiver no nível mais baixo possível e a reversão da tendência for iminente. É quando o preço da ação está no mínimo que um trader deve abrir uma posição de alta na referida ação e mantê-la. Jeff afirma saber como identificar esse exato momento.

Períodos de baixa e retrações de curta duração

Dê uma olhada neste gráfico da Volvo. Pode-se ver que de outubro a dezembro de 2018 a empresa passava por um momento difícil. O período de baixa foi longo o suficiente para esgotar as contas daqueles dispostos a investir na empresa durante a primeira retração positiva, já que a Volvo continuou perdendo por muito tempo após uma curta retomada de fôlego no final de outubro, início de novembro.

A primeira regra da compra de ações em queda, segundo Jeff Clark, é nunca comprar no primeiro mergulho. Depois do primeiro, diz Jeff, sempre vem o segundo. Neste caso particular, a Volvo teve que passar por uma série de três quedas (e retrações consecutivas) para reverter a tendência negativa.

Aqui vem a segunda regra de Jeff. Comece a explorar as oportunidades de COMPRA (BUY) após o segundo mergulho, mas apenas se as condições técnicas apoiarem a ideia. Para este propósito, você pode considerar o uso do MACD, um dos indicadores básicos do tipo oscilador.

MACD como uma indicação da próxima reversão

A lógica por trás disso é simples. Quando o MACD está demonstrando novas mínimas, a tendência negativa ainda é forte e as baixas ainda mais baixas não podem ser completamente descartadas. Quando a ação está caindo, mas o MACD está subindo, o potencial positivo está aumentando. Foi o que aconteceu com a Volvo no final do ano anterior. Após a queda de preço inicial, o MACD permaneceu na zona negativa. Então o MACD permaneceu relativamente plano (mas também negativo) por algum tempo. Quando o indicador começou a se mover na direção ascendente, a empresa entrou em um processo de ganho de fôlego e o preço de suas ações também subiu.

Ao comprar ações da Volvo após os dois primeiros mergulhos, o investidor certamente perderia seu dinheiro. Ao esperar que os indicadores técnicos mostrassem uma dinâmica positiva e comprar após o terceiro mergulho, o trader poderia obter uma boa empresa, destinada a crescer nas próximas semanas e meses, a um preço abaixo de seu valor intrínseco.

Todas as informações acima são a opinião de Jeff Clark. E essa opinião pode fornecer informações valiosas sobre a negociação de ações em queda. No entanto, você deve sempre se lembrar de que o mercado é caótico e difícil de prever. Esta estratégia, portanto, como qualquer outra, não pode garantir resultados positivos em 100% do tempo.

À plataforma

OBSERVAÇÃO: Este artigo não é um aconselhamento de investimentos. Quaisquer referências a movimentos ou níveis históricos de preços são meramente informativas e baseadas em análises externas, e não garantimos que tais movimentos ou níveis provavelmente se repitam no futuro. Em conformidade com os requisitos da Autoridade Europeia dos Valores Mobiliários e dos Mercados (ESMA), a negociação de opções binárias e digitais só está disponível para clientes categorizados como clientes profissionais.


AVISO GERAL DE RISCOS:


CFDs são instrumentos complexos e trazem consigo um alto risco de perder dinheiro rapidamente devido à alavancagem. 77% das contas de investidores de varejo perdem dinheiro quando negociam CFDs com este provedor. Você deve considerar se entende como os CFDs funcionam e se você pode correr o risco de perder seu dinheiro.