Tags: ,
11 min read 

A Ethereum (ETH) é certamente uma das criptomoedas mais interessantes neste momento, em um mercado que em 2017 viu um crescimento exponencial e um consequente interesse dos investidores em todo o mundo.

Vitalik ButerinA moeda foi inventada em 2013 por Vitalik Buterin e a sua primeira versão foi lançada no início de 2014.

É uma plataforma descentralizada que oferece aos desenvolvedores a capacidade de criar os chamados “contratos inteligentes” que permitem aplicações para diversas atividades, como organizações autônomas, novas moedas, mecanismos de crowdfunding, registos de propriedade intelectual e outros tipos de atividades.

O seu desenvolvimento atraiu o interesse de muitos apoiantes por todo o mundo e, graças a este interesse na moeda e às habilidades técnicas da equipa original, as primeiras fases de desenvolvimento foram financiadas com sucesso por uma oferta inicial de moeda pública (ICO), capaz de angariar cerca de $18 milhões.

O projeto é open source (código aberto) desde a sua criação e cada desenvolvedor consegue participar com as suas próprias contribuições.

Seu crescimento foi enorme mesmo desde o início.

O preço de uma única ETH durante a oferta pública inicial (ICO) foi de apenas $0,30, enquanto hoje, um pouco mais de três anos depois, o preço de uma única ETH é de cerca de $300, com um ROI de cerca de 100000%. Esse crescimento constituiu um dos mais bem sucedidos investimentos tecnológicos na história.

Por todas estas razões, muitos investidores estão a investigar quais são os melhores, mais seguros e mais rápidos métodos para comprar essa criptomoeda.

Vamos ver esses métodos juntos.

Uma das maneiras mais simples de comprar essa moeda é através de uma carteira web Bitcoin que também oferece suporte a Ethereum.

Uma das carteiras mais populares é, sem dúvida, a Coinbase, mas ainda não está disponível em todo o mundo. Esta é uma lista atualizada dos países atualmente suportados: Singapura, Austrália, Áustria, Bélgica, Bulgária, Croácia, Chipre, República Checa, Dinamarca, Liechtenstein, Malta, Malta, Polônia, Portugal, São Marinho, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia, Suíça, Reino Unido, Canadá, Estados Unidos.

CoinbaseDepois de criar uma conta na Coinbase, será solicitado que verifique a sua identidade, número de telefone (necessário para a autenticação de dois fatores) e escolher um método de pagamento entre a sua conta bancária e o seu cartão de crédito, de forma a fazer o seu primeiro depósito. O cartão de crédito é para compras instantâneas, mas tem taxas mais elevadas, enquanto que com uma conta bancária, a transação pode demorar até alguns dias, mas as taxas são mais baixas.

A Coinbase é apenas uma das muitas formas de armazenar o seu Ether. Na verdade, existem muitas outras carteiras disponíveis no mercado.

A vantagem de usar uma carteira que não é controlada por terceiros é ter uma autonomia completa no seu investimento e evitar os riscos associados à possibilidade de que esses terceiros possam ser submetidos a um ataque por hackers.

Entre as desvantagens, no entanto, é que não pode recuperar, por exemplo, as suas chaves se elas estiverem perdidas e, portanto, é uma solução recomendada apenas para aqueles que são capazes de controlar com segurança a sua carteira gravando as suas chaves, onde não podem ser descobertas por outros ou esquecidas.

Em relação a estas carteiras, a versão original da carteira Ethereum é descarregável da Github, ma as sua usabilidade ainda não é inteiramente adequada para um utilizador principiante ou para pessoas sem habilidades técnicas.

MyEtherWalletNo entanto, existem também versões que melhor se encaixam para aqueles que não possuem experiência, como o MyEtherWallet, que oferece uma interface acessível.

Depois de criar a sua própria carteira e de ter as chaves para receber fundos, existem alguns serviços que permitem que o Ether seja comprado imediatamente, trocando-os pela compra de Bitcoins ou simplesmente comprando-os com um cartão de crédito.

Os serviços mais populares neste caso é o ShapeShift.

ShapeShiftO Shapeshift permite conversões instantâneas e este é provavelmente o método mais rápido se quiser comprar uma das muitas moedas suportadas pela plataforma.

Nesse caso, a privacidade do comprador também está protegida porque não precisa de criar uma conta.

Só precisa de especificar a moeda que deseja trocar e a moeda que deseja ter em troca.

Depois de receber o pagamento, a Shapeshift enviará a nova moeda, tudo dentro de alguns segundos. A taxa de câmbio é avaliada automaticamente considerando uma média de diversos mercados.

Os compradores podem também escolher entre pedidos Quick (rápidos) ou Precise (precisos), onde a diferença reside na possibilidade de escolher o valor exato a enviar. Há também uma série de ferramentas especiais que permitem que o ShapeShift integre diferentes métodos de pagamento de criptomoedas para negociadores. O ShapeShift, no entanto, tem uma política muito rígida quanto ao uso da moeda fiduciária, que não é permitida sob qualquer contexto.

Então, se pretende comprar Ethereum diretamente com moeda fiduciária por, por exemplo, cartão de crédito, outra solução popular é o Changelly.

ChangellyCom Changelly, que é semelhante ao ShapeShift, pode comprar Ethereum em troca de dólares e o processo de compra é quase instantâneo (lembre-se que quando usa este tipo de serviços é sempre necessário ter uma carteira para receber o Ethereum que vai comprar).

Além dessas soluções, outra solução antiga é comprar Ethereum diretamente de centros de câmbio.

Entre os centros de câmbio mais populares, podemos indicar claramente o Poloniex, que tem um grande volume comercial entre Bitcoin e Ethereum. Se quer comprar uma grande quantidade de Ethereum, o Poloniex pode ser uma boa solução, já que possui grandes reservas de liquidez.

Outra centro de câmbio certamente popular é o Kraken, que é popular entre os clientes europeus e também possui um grande volume de comercial entre Bitcoin e Ethereum. Outra possibilidade para adquirir Ethereum é extraí-lo você mesmo.

Esta não é certamente uma das escolhas mais fáceis, e envolve a compra de máquinas especiais, que muitas vezes exigem uma grande experiência técnica para além de uma grande quantidade de energia. Por estas razões, a prática de mineração Ethereum ainda está em mãos de grupos especializados que possuem as máquinas certas e grandes quantidades de energia para as operacionar.

Negocie aqui