5 min read 

Ter uma checklist a seguir antes de cada negociação é uma ótima técnica, especialmente se você for um trader iniciante. Isso ajudará você a evitar tomar decisões apressadas. Se você perceber que sua negociação é altamente influenciada por emoções, esta abordagem definitivamente deve melhorar sua estratégia.

Checklists são uma parte importante de quase todas as profissões e ajudam a manter as coisas em ordem. Seguir uma checklist e manter uma ordem estrita é praticamente uma garantia de um fluxo de trabalho organizado. Ao colocar tarefas e organizá-las no papel, também organizamos nossa mente e acompanhamos o progresso.

Isso pode e deve ser aplicado na negociação também: há muitos benefícios no uso de checklists e, provavelmente, o mais óbvio é a sua simplicidade. Não há nada mais fácil do que aderir a um plano que já está escrito na sua frente. Use as seguintes dicas úteis para criar sua própria checklist personalizada ao abrir novas negociações.

Learn to compose a trading checklist

1. Avaliação do mercado

Quais são as condições do mercado em que você está prestes a negociar? O resultado da negociação depende da sua capacidade de avaliar as condições com as quais você está lidando atualmente.

Na checklist, você pode colocar os pontos como a direção do mercado e a força da tendência e, com base nisso, tomar a decisão sobre o prazo em que você negociará e a estratégia a ser implementada.

Sua checklist pode ser tão detalhada ou concisa quanto você desejar. Dependendo de suas preferências, você pode incluir indicadores, linhas de suporte e resistência ou certas fontes de notícias do mercado na checklist, para que você se lembre de verificar e considerar essas informações.

2. Especificações da negociação

Continue sua checklist com uma segunda seção que será mais específica para a negociação que você está prestes a abrir. Aqui, os pontos que você pode anotar seriam o valor do investimento, stop loss (parar perdas) e take profit (recolher lucro), bem como o período para determinada negociação.

Suas decisões devem ser documentadas, assim, sua checklist será útil após o fechamento da negociação. Você será capaz de olhar para trás e avaliar seus padrões de negociação e escolhas.

How to ccreate a checklist for traders?

3. Gerenciamento de riscos

A terceira parte da checklist é a última, mas tão importante quanto as outras. Esta é uma seção do tipo “controle você mesmo” onde você pode verificar tudo mais uma vez antes de executar a ordem. Os pontos desta seção ajudarão você a controlar sua negociação do ponto de vista do gerenciamento de riscos. O valor que você está prestes a investir é razoável? Você definiu os limites para sair da negociação na hora certa? Se a negociação fechar fora do dinheiro, você poderá arcar com as consequências financeiras?

Verificar novamente esses aspectos pode parecer demorado e excessivo, mas é realmente importante fazê-lo para fazer escolhas mais conscientes e racionais.

Ter uma checklist irá ajudá-lo a avaliar com atenção a negociação que você está prestes a abrir, eliminando ao máximo o componente emocional que impede muitos traders de tomarem decisões racionais.

À plataforma

OBSERVAÇÃO: Este artigo não é um aconselhamento de investimentos. Quaisquer referências a movimentos ou níveis históricos de preços são meramente informativas e baseadas em análises externas, e não garantimos que tais movimentos ou níveis provavelmente se repitam no futuro. Em conformidade com os requisitos da Autoridade Europeia dos Valores Mobiliários e dos Mercados (ESMA), a negociação de opções binárias e digitais só está disponível para clientes categorizados como clientes profissionais.


AVISO GERAL DE RISCOS:


CFDs são instrumentos complexos e trazem consigo um alto risco de perder dinheiro rapidamente devido à alavancagem. 76% das contas de investidores de varejo perdem dinheiro quando negociam CFDs com este provedor. Você deve considerar se entende como os CFDs funcionam e se você pode correr o risco de perder seu dinheiro.