7 min read 

A sua abordagem ao mercado de negociação dita a sua estratégia de mercado, a sua filosofia e os passos que dá no caminho para o seu objetivo. Então, quem é você: um trader ou um investidor? Talvez ambos? Existe alguma diferença entre eles? Compreender as diferenças entre investidores e traders é importante porque pode impedir que você siga uma abordagem caótica e cometa erros repetidas vezes. Também pode permitir que você escolha certos traços de cada abordagem e os combine de uma maneira consciente.

Em geral, os objetivos dos traders e investidores estão alinhados: a principal intenção é gerar um resultado positivo por meio da participação no mercado. No entanto, a abordagem é diferente dependendo da duração em que as transações ocorrem.

Investidores

Geralmente, os investidores estão concentrados em prazos maiores. Sua ambição é construir um portfólio ao longo do tempo, investindo em ações, títulos, fundos mútuos e outros instrumentos de investimento. Aqui estão algumas das coisas que estão associadas a investimentos: 

  • Os investidores geralmente não prestam atenção às tendências de curto prazo: seu compromisso de longo prazo com o mercado permite que eles aguardem qualquer tendência temporária de baixa com a expectativa de que o preço continuará subindo no futuro.
  • Os investidores normalmente se concentram mais nos fundamentos de mercado, já que eles desempenham um papel mais importante na perspectiva de longo prazo. Por exemplo, a capitalização de mercado pode não importar tanto com negociações que duram de várias horas a vários dias. No entanto, os investidores que estão comprando ações de uma empresa para mantê-las por vários anos precisarão dessas informações para tomar uma decisão mais informada.
  • Normalmente, os investimentos de longo prazo estão associados a maior capital e maiores investimentos. Investir implica em comprar, e as ações podem ser bastante caras, especialmente quando compradas em grandes quantidades.
  • A diversificação desempenha um papel importante no investimento, uma vez que os portfólios são mantidos por longos períodos. Um portfólio diversificado deve ser equilibrado para gerenciar os riscos de forma mais eficiente.

Traders

Ao contrário dos investidores, os traders fazem negociações de curto prazo, o que naturalmente significa uma quantidade maior de transações. O principal objetivo dos traders é geralmente gerar um resultado que possa ser comparado ou até mesmo exceder o resultado do investimento de longo prazo, sem esperar vários anos. A negociação é caracterizada pelos seguintes pontos:

  • Os traders fazem muito mais transações, mas sua duração é consideravelmente menor do que as transações que ocorrem nos investimentos. Elas podem durar de vários minutos a vários dias ou meses, mas não mais.
  • Os traders buscam retornos muito mais elevados, no entanto, eles também estão associados a um risco mais elevado.
  • Os mercados voláteis são muito mais preferidos pelos traders, enquanto os investidores podem preferir condições mais estáveis.
  • Os traders fazem negociações compradas ou vendidas (“Compra” e “Venda”), o que pode aumentar a quantidade de possibilidades de entradas.
  • A negociação é possível em qualquer condição de mercado, altas e baixas rápidas podem ser preferidas pelos traders, enquanto os investidores sempre procuram as condições ideais para entrar e sair das negociações.
  • A diversificação é também importante na negociação, embora a negociação seja normalmente associada a investimentos menores. O gerenciamento de riscos e a capacidade de controlar as emoções são fundamentais para todos os traders.

O que escolher? 

Embora as duas abordagens sejam bastante diferentes, felizmente, não há necessidade de escolher uma ou outra. Aqueles que preferem ter um pouco mais de controle sobre seus investimentos e geralmente investem por períodos mais longos, podem considerar a negociação como uma opção para explorar novos instrumentos. Aqueles que preferem a negociação e a execução mais rápida de transações podem considerar investir em opções de longo prazo e gerenciar os riscos apropriadamente.

Independentemente da escolha que você fizer, baseie-se em suas preferências pessoais e tolerância ao risco, mas não se esqueça de avaliar todos os prós e contras de cada opção.

Negocie agora