9 min read 

A negociação de ruptura, também conhecida como negociação de breakout, é popular entre muitos, mas é mais difícil do que parece. Este método procura por áreas de preço que um ativo não poderia ultrapassar e espera que ele ultrapasse esses níveis, daí o nome da abordagem, ruptura (breakout).

As rupturas podem indicar a direção que o preço deve seguir, mas para ler os sinais, os traders precisam ter habilidades analíticas, alguma prática e um bom entendimento de como os mercados funcionam. Frequentemente, os traders usam análises técnicas ou padrões gráficos para detectar possíveis rupturas. Vamos dar uma olhada mais de perto neste método de negociação.

Como funciona a negociação de ruptura?

Na negociação de ruptura, os traders geralmente procuram os níveis de suporte e resistência no gráfico de preços. Esses são benchmarks importantes, a partir dos quais o preço pode se retrair ou romper. 

Os níveis são tão significativos que funcionam como um salto inicial: se o preço eventualmente romper o nível de suporte ou resistência, isso pode ser considerado um sinal de que o preço pode continuar se movendo na mesma direção, proporcionando potenciais oportunidades.

Uma ruptura pode indicar uma oportunidade de compra ou venda, dependendo da direção da ruptura. No exemplo abaixo, o gráfico de Forex do EUR/USD rompeu o nível de resistência para baixo, encerrando uma consolidação de uma semana com uma tendência de baixa. 

Método de Negociação de Ruptura: Como Ele Funciona?
Ruptura (Breakout) no par de Forex EUR/USD 

Quando o preço rompe o nível de suporte para baixo e continua seu movimento na mesma direção, isso pode ser percebido como um sinal de “Vender”. Ao mesmo tempo, se o preço romper o nível de resistência para cima e continuar a subir, isso pode ser um sinal de “Compra”. No entanto, é importante notar que nunca há 100% de garantia da precisão dos resultados.

É importante notar que muitos traders que exercem essa abordagem, geralmente não entram no mercado imediatamente após a ruptura, mas esperam que ocorra uma retração. Isso pode ajudar a evitar o recebimento de um sinal falso (o chamado “fakeout”) onde o preço retorna ao seu nível anterior após uma ruptura, ou mesmo começa a se mover na direção oposta.

3 maneiras de confirmar uma ruptura

Usar padrões de gráficos

Os padrões de gráfico são comumente usados para detectar uma ruptura potencial. Formas como triângulo, retângulos, bandeiras, cabeça e ombros ou padrão de cunha podem ser observadas quando o preço se move de certa maneira. Um trader define os níveis de suporte e resistência e quando o preço rompe padrão da vela, uma ruptura pode ser confirmada.

Usar indicadores técnicos 

Indicadores técnicos podem ser usados para confirmar uma ruptura em um título. Algumas das ferramentas mais populares são MACD, Bandas de Bollinger e IFR. Os indicadores de volume também podem ser considerados úteis, uma vez que uma ruptura é frequentemente precedida por um período de baixo volume. Após a ruptura, geralmente há um aumento no volume, à medida que o mercado entra em uma nova fase ativa. Aplicar vários indicadores que se complementam pode ajudar a obter um sinal mais preciso, no entanto, nenhum indicador pode garantir resultados 100% corretos todas as vezes.

Usar dados fundamentais 

Um exemplo de dados fundamentais que podem ser usados para determinar as rupturas pode ser o relatório de lucros de uma empresa. Quando a empresa está indo bem acima (ou significativamente abaixo) do que era esperado, o preço pode subir ou cair, dependendo das notícias. Pegar o momento certo é a parte mais difícil desta abordagem, portanto, é necessário um plano de gerenciamento de riscos bem-preparado para acompanhá-la.

Negociação de ruptura e gerenciamento de dinheiro

Existem várias regras importantes de gerenciamento de riscos a serem exercidas juntamente com a abordagem de ruptura (breakout). Os traders que desejam manter este estilo de negociação, podem querer confirmar o seguinte:

  • Níveis apropriados de Stop Loss e Take Profit. Para defini-los, certifique-se de saber o resultado que deseja alcançar com sua negociação. As limitações de Stop Loss e Take Profit devem ser colocadas de acordo com o plano de negociação, a fim de evitar risco excessivo e para sair de maneira oportuna da negociação.
  • Vários ativos para monitorar. Encontrar um mercado que pode estar caminhando para uma ruptura nem sempre é fácil, então olhar para vários gráficos ao mesmo tempo pode economizar o tempo dos traders e fornecer possíveis oportunidades de trabalho.
  • Paciência e boa psicologia de negociação. Rupturas de negociação podem ser uma tarefa desafiadora, então, deixar as emoções tomarem conta da situação é perigoso. Pode ser melhor perder uma entrada do que cometer um erro caro, portanto, controle sempre suas emoções.

Conclusão 

A negociação de ruptura, também conhecida como breakout trading, pode ser uma abordagem que os traders desejam exercer com o uso de padrões gráficos, indicadores técnicos ou notícias econômicas. Este método pode fornecer aos traders indicações para entrar no mercado, mas como qualquer abordagem de negociação, requer prática e consciência do risco. Você pode definir os níveis de suporte e resistência na conta de prática para melhorar sua compreensão da abordagem de ruptura, mas certifique-se de manter as dicas de gerenciamento de riscos descritas acima em mente!

Negocie agora