14 min read 

Esteja você recém começando no mercado de opções binárias na plataforma IQ Option ou, seja você um trader experiente, de acordo com o norte-americano John Murphy, (considerado atualmente um dos principais gurus da análise técnica) existem 10 regras de ouro que todos os investidores, de qualquer natureza que sejam, devem conhecer e seguir.

O livro de Murphy “Análise Técnica dos Mercados de Futuros: Um guia completo para Métodos e Aplicações de Negociação” (traduzido para diversos idiomas) têm sido considerado leitura obrigatória para orientar decisões de compra em venda, seja para day traders – curto prazo –  ou para os que atuam com estratégias buy and hold – longo prazo.

Ainda que, a primeira vista, pareça uma leitura extremamente técnica, a autor que também é um trader de sucesso, tem o dom de explicar coisas complexas de maneiras muito simples.

As dez leis da análise técnica de Murphy são:

1. Mapeie as tendências

Comece identificando a tendência do ativo usando gráficos de médio e longo prazo (semanais e mensais) que abranjam períodos de vários anos. Para o autor, o uso de gráficos de curtos períodos na análise de tendência pode ser enganoso e uma visão a larga escala dos mercados possibilita uma melhor visualização das tendências de longo prazo. Mesmo que você faça negociações de curto prazo, você se sairá melhor se estiver negociando na mesma direção que as tendências intermediárias e de longo prazo.

Vejamos um exemplo da plataforma IQ Option:

Análise Técnica de Murphy

Neste gráfico de ouro (M30), podemos observar o mercado andando de lado, sem tendência definida, entretanto, quando ampliamos o escopo da nossa análise podemos verificar que em H4, o mesmo ativo apresenta uma tendência descendente.

Análise Técnica de Murphy

Sendo assim é melhor abrir a sua posição no topo, em uma recessão, ao invés de trabalhar em ambos os sentidos.

2. Identifique e siga a tendência

Uma vez identificada qual a tendência do ativo, a segunda regra é de segui-la de perto. Ainda utilizando a imagem do gráfico acima, você pode utilizar a parte superior do canal para abrir uma posição em uma recessão.

Análise Técnica de Murphy

3. Identifique suportes e resistências

O melhor lugar para abrir uma opção de call (acima) é perto de níveis de suporte, assim como o melhor lugar para abrir uma opção de put (abaixo) é perto de níveis de resistência. Lembre-se que se um ponto de resistência for rompido, ele torna-se o próximo ponto de suporte e o inverso ocorre quando um ponto de suporte é rompido. Em outras palavras o antigo “alto” torna-se o novo “baixo” e vice-versa.

4. Saiba fazer correções

O autor recomenda que se meçam as reversões quantativamente e para ele, a reversão nos 50% da tendência é a mais comum, mas os níveis de 38% e 62%, medidos pelos números de Fibonacci são muito utilizados e frequentemente trazem bons resultados.

5. Desenhe linhas de tendência

As linhas de tendência são umas das mais simples e mais eficientes ferramentas de análise técnica, já que precisamos de apenas dois pontos. As linhas de tendência de alta são desenhadas com dois pontos mínimos sucessivos, enquanto que as linhas de tendência de baixa são desenhadas com dois pontos máximos sucessivos. Os preços irão, muitas vezes, fazer “pull backs” para a linha de tendência antes de reiniciarem a tendência. A quebra de linhas de tendência pode ser o primeiro sinal de mudança na tendência. Uma linha de tendência válida deve ser tocada pelo menos três vezes, para ser considerada minimamente importante.

O gráfico abaixo mostra uma tripla confirmação de alta para o par USD/CAD.

Análise Técnica de Murphy

6. Acompanhe as médias móveis

A melhor maneira de se trabalhar em um mercado com tendência é seguindo médias móveis. Uma combinação de duas médias móveis é um dos meios mais eficazes de encontrar sinais de tendência e a intersecção das médias móveis é o lugar ideal para abrir uma posição.

7. Aprenda a identificar as mudanças

Enquanto as médias móveis oferecem confirmação de uma mudança de tendência do mercado, os osciladores nos ajudam a identificar previamente se um mercado caiu ou subiu demais e que em breve inverterá, ou seja, eles nos auxiliam a identificar mercados “overbought” (sobrevenda) e “oversold” (sobrecompra).

Dois indicadores de oscilação muito conhecidos e recomendados por Murphy são o Índice de Força Relativa (RSI)  e o Oscilador Estocástico. Basicamente quando o movimento de um oscilador divergir do movimento de mercado (linha do oscilador vai para cima e a do preço para baixo, ou vice versa), é um sinal de que uma reversão pode acontecer.

Ambos funcionam em uma escala de 0 a 100. Com o RSI, as leituras acima de 70 exibem condições de sobrecompra, enquanto as leituras abaixo de 30 são indicações de sobrevendas. Os valores de sobrecompra e sobrevenda para o Oscilador Estocástico são 80 e 20. As divergências entre os osciladores geralmente alertam sobre desaceleração do mercado, mas ao negociar em um corredor, esses indicadores se complementam e indicam para um novo movimento. Vide abaixo imagem da plataforma IQ Option.

Análise Técnica de Murphy

8. Conheça os sinais de alerta

O histograma de MACD (chamado de histograma porque as barras verticais são usadas para mostrar a diferença entre as duas linhas no gráfico) é um indicador híbrido, pois combina um sistema de cruzamento de médias móveis com os elementos overbought/oversold de um oscilador e é muito útil para dar sinais de alerta, que por sua vez são os momentos d mercado em que você deve estar preparado para uma mudança na tendência ou para executar a entrada/saída de seus investimentos.

Um sinal de compra acontece quando a linha mais rápida cruza para cima da linha mais lenta e ambas estão abaixo de zero. Um sinal de venda ocorre quando a linha mais rápida cruza para baixo da linha lenta e ambas estão acima de zero. O histograma de MACD é uma alternativa bastante interessante para o trader analisar as possibilidades de mudança e merece uma atenção especial, conheça mais sobre ele clicando no link a seguir.

9. Tendência ou não?

Para definir se uma tendência é significativa ou não, Murphy sugere que seja utilizado o Índice de movimento direcional (ADX). Este é um indicador técnico, desenvolvido por Welles Wilder, cujo objetivo é determinar a força da tendência e os movimentos dos preços futuros, analisando a dinâmica da diferença dos valores mínimos e máximos dos preços das negociações. Uma linha ADX ascendente sugere a presença de uma forte tendência, enquanto uma queda da linha ADX sugere um mercado que esta, como se costuma dizer “andando de lado”. Ao traçar a direção da linha ADX, o trader é capaz de determinar qual estilo de negociação e qual conjunto de indicadores são mais adequados para o atual ambiente de mercado.

10. Identifique sinais de confirmação

“O Volume antecede o preço.”

Esta é uma velha máxima da bolsa de valores que deve ser considerada. É importante se certificar que um volume maior esteja acontecendo na direção da tendência predominante. O aumento do volume confirma que o capital dos investidores está apoiando a tendência predominante. O volume decrescente é muitas vezes um aviso de que a tendência está chegando ao seu final. Caso o volume não esteja acompanhando a tendência, aquela mudança pode não ser tão importante assim e o preço será corrigido naturalmente pelo mercado.

Quando estamos aprendendo a operar no mercado de opções binárias, é comum que no começo as coisas pareçam um pouco complicadas e que você acabe até se frustrando um pouco, mas não desanime, porque precisamos praticar incansavelmente até que estejamos seguros para negociar o nosso próprio capital. Acesse já a plataforma IQ Option e abra grátis sua conta de treinamento.

“A análise técnica é uma habilidade que melhora com a experiência e estudo. Sempre seja um estudante e continue aprendendo.” – John Murphy.

Pratique grátis